Publicidade

Roseana Sarney será a primeira a depor na Polícia Federal

Ex-governadora será investigada pela Polícia Federal no inquérito que apura corrupção na Petrobras

Marrapá – A Polícia Federal começa a receber nesta terça-feira (10) os primeiros pedidos de diligências relacionados aos 25 inquéritos abertos contra políticos. O primeiro a chegar deve ser o da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB).

Segundo o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, Roseana recebeu R$ 2 milhões para sua campanha eleitoral de 2010, a pedido de Lobão, então ministro da Minas e Energia. Lobão e Roseana são investigados de forma conjunta em um inquérito por suposta prática de corrupção passiva qualificada e lavagem de dinheiro.

Para que as investigações do caso sejam feitas, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu que a polícia colha depoimentos de Julio Camargo, da Toyo Setal, além de ouvir Roseana e Lobão. O procurador quer também imagens da entrada do Hotel Blue Tree, em São Paulo, no ano de 2010, onde o doleiro Alberto Youssef disse ter feito um pagamento a beneficiário desconhecido no valor de R$ 2 milhões.

Também foram solicitados os registros de viagens de Paulo Roberto Costa, pela Petrobras, ao Maranhão, para verificar os encontros com Roseana Sarney; os registros de reuniões do governo do Estado na época; e a agenda de reuniões de Lobão de 2010 além das entradas no Ministério de Minas e Energia.

Com informações da Globo e Estadão

 

 

Busca