Publicidade

Promessa de ligar todas as cidades por asfalto não será cumprida

Para tentar alavancar a pesada candidatura a governador de Luís Fernando Silva, o governo do estado promete entregar asfaltadas todas as rodovias que ligam as cidades do interior do Maranhão até dezembro de 2014. Não espere que tal promessa seja cumprida. Anote: essa irá para a mesma prateleira da refinaria de Bacabeira, dos 72 hospitais, da avenida Quarto Centenário, da Via Expressa, do estádio Dários Santos. Isso pra ficar só nos casos que estão mais frescos na memória.

Muitas estradas do estado precisam urgentemente serem recuperadas, mas, isso não dá mídia, é o que decidiram os marqueteiros do clã. Para ter um saldo do que mostrar na campanha, é preciso que “novas” estradas sejam feitas ou prometidas. Pouco importa se as outras estejam em situação caótica, recuperá-las não gera dividendos eleitorais.

Luís Fernando: mesmo modus operandi de Roseana Sarney

Entretanto, a promessa feita, de ligar todas as cidades por asfalto até dezembro de 2014, não poderá ser cumprida. E eles sabem disso. Mesmo sabendo, tomaram a decisão de enganar o povo (de novo), afinal, pensam eles, isso sempre funcionou, não é mesmo? Resta saber se o povo vai se deixar ser enganado mais uma vez. E como se pode afirmar categoricamente que a promessa não será cumprida? Simples, não há tempo hábil para isso. E depois que passar a eleição, ninguém mais toca no assunto, seja qual for o resultado.

Luís Fernando, o secretário-candidato, precisa explicar, por exemplo, como vai conseguir terminar a MA-318, que liga São João do Carú a Bom Jardim, até dezembro deste ano. Ao longo dos 86 km da rodovia, existem 31 pontes de madeira em precário estado de conservação que precisarão ser construídas e pavimentadas. Fazendo as contas, será necessário construir 1 ponte a cada 11 dias para conseguir cumprir a promessa.

E aí, bonzão? E agora, “exemplo” de gestor? Não és tu o “grande planejador” e “competente técnico”? Diga a todos nós como vais fazer as 31 pontes até dezembro. Ou é só “gogó”? Não vale arrumar desculpa esfarrapada e mandar os blogueiros governistas espalharem que não é bem assim. Assinar ordem de serviço é fácil, fazer propaganda é fácil, quero ver é fazer a obra.

MA-318 precisa de 31 pontes construídas até dezembro de 2014

 

Busca