Publicidade

Lava Jato: expectativa para depoimentos de Lobão e Roseana

Roseana angustiada e Lobão apreensivo com depoimentos

Apesar das tentativas por parte dos advogados de impedir que Roseana e Lobão fossem ouvidos na investigação da Operação Lava Jato, a ex-governadora do Maranhão e o ex-ministro de Minas e Energia, ambos do PMDB, devem prestar depoimento, nesta quarta-feira (29), à Polícia Federal e à membros da Procuradoria Geral da República.

Integrantes de uma lista de políticos envolvidos no maior esquema de corrupção descoberto no Brasi nos últimos anos, “O Petrolão”, os dois maranhenses têm sobre si o peso de diversas acusações. Lobão é acusado, por exemplo, de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e participação em organização criminosa.

Roseana Sarney teria recebido do esquema R$ 2 milhões para sua campanha em 2010, além disso, tem seu nome envolvido na acusação de recebimento de propina paga pelo doleiro Alberto Youssef no caso Constran, que envolve diretamente membros do primeiro escalão do governo do estado sob comando da filha de Sarney. A expectativa em torno dos depoimentos de Roseana e Lobão é grande.

 

 

 

Busca