Publicidade

Fim da greve da Polícia Militar do Maranhão

Militares aquartelados, agora em festa

Após horas de negociação entre os militares grevistas e o porta-voz do governo designado para negociar, chega ao fim a greve da Polícia Militar e Bombeiros do Maranhão. Este blog foi o primeiro a informar sobre a reunião que aconteceu na manhã desta sexta-feira (04) na sede da OAB, no bairro do calhau, em São Luís, entre os líderes do movimento e o senador João Alberto.

Neste momento (20:30), os militares comemoram o acordo fechado com o governo e os benefícios alcançados após vários dias de luta. Foi necessário ceder um pouco, o que é absolutamente normal, para que se chegasse a um consenso entre as partes, mas o policiais e bombeiros estão satisfeitos com o resultado.

O assunto não foi muito divulgado, o que mostra clara intenção de abafar o acordo, afinal, o que se viu foi um governo irredutível, relutante em sentar e negociar. Para não dar o braço a torcer, preferiu, então, não dar visibilidade à clara vitória dos militares. Por outro lado, é importante salientar que a decisão se deu em razão do enorme desgaste gerado pelo impasse para imagem de Roseana Sarney.

Aguarde novas informações.

 

Busca