Publicidade

Esquema de desvios na Saúde pode ter beneficiado Andre Murad e Sousa Neto

Deputados estaduais Sousa Neto (PTN) e Andrea Murad (PMDB).

Deputados estaduais Sousa Neto (PTN) e Andrea Murad (PMDB).

Dando sequência à serie de reportagens que denuncia um suposto esquema de desvio na Secretária de Saúde, durante a gestão da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), a TV Guará mostrou na última quinta-feira (14), que parte do valor desviado da Saúde no esquema que seria liderado por Roseana e Ricardo Murad – secretário da pasta na época -, pode ter sido usado nas campanhas de Andrea Murad (PMDB) e Sousa Neto (PTN). Ambos concorriam ao cargo de deputado estadual e se elegeram no ano passado.

De acordo com a reportagem,  a empresa PMR Táxi Aéreo foi contratada pela Secretária de Saúde para a realização de transportes de pacientes do interior para a capital. A secretaria realizou, por um ano, repasses mensais para a empresa, que possui sede no estado do Rio Grande do Sul. No total, foram repassados a PRM mais de R$ 3 milhões. A empresa, assim como uma construtora também do Rio Grande do Sul, teriam doado para a campanha de Andre Murad, filha do secretário de Saúde, R$ 120 mil e para Sousa Neto, R$ 80 mil reais.

Confira abaixo a reportagem:

 

Busca