Publicidade

Deputado Levi Pontes fala sobre atual quadro da Saúde em São Luís

Deputado estadual Levi Pontes/ Foto: Divulgação

Deputado estadual Levi Pontes/ Foto: Divulgação

Em discurso na sessão desta quarta-feira (29), na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Dr. Levi Pontes (SD), falou sobre a insuficiencia de repasses de verbas do governo Federal para a Saúde em São Luís, e dos esforços do prefeito Edvaldo Holanda Júnior para conseguir manter os atendimentos médicos e hospitalares em funcionamento na capital mesmo com poucos recursos.

Para o deputado, a população precisa ter conhecimento do atual quadro da Secretaria Municipal de Saúde e das dificuldades encontradas pela gestão municipal, que tem bancado com verbas próprias grande parte das obras e construção de novos hospitais para a rede municipal de saúde.

Segundo Levi Pontes, o governo Federal repassa ao município de São Luís R$ 20 milhões para a saúde. Desse total, R$ 6 milhões e 100 mil são destinados só para o Hospital Universitário e outros R$ 10 milhões para pagamento dos prestadores de serviço do SUS. Sobra à prefeitura de São Luís, algo em torno de R$ 4 milhões para manter os Socorrões I e II e mais 74 unidades de saúde em funcionamento. Para Pontes, o valor é insuficiente para fazer com que toda a rede municipal consiga atender de forma eficiente a população da capital.

Já o deputado Edivaldo Holanda (PTC), aproveitando a fala de Levi, afirmou que, com esse déficit, a prefeitura banca praticamente sozinha a construção e manutenção de hospitais, além de pagamentos dos profissionais e de terceirizados. De acordo com Edivaldo, São Luís é o único município do estado que destina 26% das suas verbas para a saúde, número muito acima do percentual determinado pela Constituição, que é de 11%. Holandão falou ainda sobre a ajuda de R$ 10 milhões do governador Flávio Dino para melhorias no sistema de saúde da capital.

 

Busca