Publicidade

Calote: Ricardo Murad e Roseana Sarney deixam o governo sem pagar profissionais de saúde

Ricardo e Roseana: mais uma maldade antes de sair de cena

O blog foi procurado por profissionais que trabalham na UPA da Vila Luizão para reclamar que estão sem receber salários, alguns há três meses. Na verdade, o problema atinge mais do que os profissionais da referidas Unidade. Segundo apurou o blog, mais de 10 mil trabalhadores da área de saúde do estado ainda não receberam o salário de novembro, que deveria ter sido pago até o dia 5.

Médicos, enfermeiros, atendentes e vários outros profissionais prometem paralisar suas atividades se não receberem seus salários logo. Eles são remunerados por meio de duas instituições contratadas pelo governo do estado para gerir o sistema. As ONG's ICN e Bem Viver já foram procuradas pelo profissionais de saúde e disseram que não receberam do governo, por isso não têm como pagar.

Cobrança via rede social

O agora ex-secretário de saúde do estado, Ricardo Murad, prometeu que o pagamento seria feito dia 10, mas ele deixou o cargo e o calote. Pior, ao ser procurado pelas redes sociais, exclui os comentários e bloqueia quem reclama.

Sobrou então para a filha de Ricardo, a deputada eleita Andrea Murad, que não demorou a agir igual o pai. Ao receber reclamações pela rede social, ela apaga os comentários e bloqueia o reclamante. Aprendeu direitinho com o paizão.

Uma funcionária da UPA da Vila Luizão relatou ao blog que entrou em contato Ricardo Murad através das redes sociais. “Ele, covardemente, fugiu me bloqueando e apagando meus posts, com medo de indagações e comentários, voltei a ligar no ICN ( Instituto Cidadania e Natureza) e eles confirmaram que o repasse não foi feito e que não tem sequer previsão para que isso ocorra”, disse indignada.

Internauta foi bloqueada por causa de cobranças

 

 

 

Busca