Publicidade

Uma cabeça, múltiplas sentenças.

Por Glória Barreto

 

Essa semana, recebi o seguinte texto:

De aorcdo com uma peqsiusa de uma uinrvesriddae ignlsea, não ipomtra em qaul odrem as Lteras de uma plravaa etãso, a úncia csioa iprotmatne é que a piremria e útmlia Lteras etejasm no lgaur crteo. O rseto pdoe ser uma bçguana ttaol, que vcoê anida pdoe ler sem pobrlmea. Itso é poqrue nós não lmeos cdaa Ltera isladoa, mas a plravaa cmoo um tdoo.

O Cérebro é fantástico, não acha? Podemos tentar explicá-lo, mas ele sempre nos surpreende! Ele é capaz de administrar de forma única as mais variadas situações como: percepção, imaginação, pensamentos, julgamentos, decisões, memórias. Portanto é uma parte única de nosso corpo, que realiza inúmeras funções e merece toda atenção e cuidado!

De acordo com o médico Arthur Frazão, exercitar o cérebro evita a perda de neurônios, diminui as distrações, melhora a memória e favorece o aprendizado. E para usar e abusar de todas nossas habilidades cerebrais, seguem algumas técnicas para potencializar sua capacidade:

Nos estudos – Grife

Na hora de estudar, leia e interprete o conteúdo utilizando canetas coloridas para destacar as partes principais. Grife as frases e as palavras de tal forma que lidas separadamente do texto elas tenham alguma lógica.

Agora vem a parte fácil. Quando você estiver revendo este conteúdo você só precisará ler o que está destacado, porque o cérebro vai automaticamente recordar o todo. Mas lembre-se, para dar certo tem que compreender completamente o texto na primeira leitura.

Para lembrar – Associe

Quando você precisa memorizar algo novo, tente relacionar com algo que você já conhece, porque desta forma ficará mais fácil acomodar aquela novidade, seja um nome de uma pessoa, uma informação importante, ou um endereço.

Para exercitar – Decore

Com nossos aparelhos eletrônicos, atualmente não precisamos memorizar várias informações que antes eram imprescindíveis. Por isso sempre que possível “brinque” de decorar para exercitar seu cérebro. Use as listas do supermercado, números de telefones dos familiares, recorde os nomes de ruas de um determinado trajeto, datas de acontecimentos memoráveis de sua vida e assim por diante.

Para melhorar – Ative

Faça atividades para sempre estimular o desenvolvimento do cérebro. Ache um hobby que combine com você, aprenda a tocar um instrumento, pintar quadros, ou então cante no banheiro e pinte aquarelas, mas tente fazer algo novo. O doutor Frazão disse que atividades como escovar os dentes com a mão esquerda, por exemplo, fazem com que nosso cérebro crie novas conexões cerebrais e, consequentemente, deixa o indivíduo mais ágil e mais inteligente.

Para potencializar – Passeie

Além de ser muito divertido, conhecer lugares lhe permite ter contato com aromas e paisagens diversificadas que podem ativar diferentes áreas do cérebro ao mesmo tempo, favorecendo todas as conexões cerebrais.

Parecem atividades tolas, mas se usadas diariamente beneficiam pessoas de todas as idades, porque são as conexões cerebrais que irão manter o cérebro ativo por mais tempo, resultando num rejuvenescimento cerebral. Boa alimentação, exercícios físicos e um sono tranquilo também são fundamentais, mas esse é um assunto para outro texto.

 

Busca