Publicidade

Turistas declaram o carnaval do Maranhão como um dos mais multiculturais do Brasil

O tradicional bairro da Madre Deus, em São Luís, é um dos pontos do "Carnaval de Fotos". Foto: Divulgação/SECOM

As opiniões de turistas brasileiros e estrangeiros confirmam: o carnaval do Maranhão é um dos mais diversos do país. Em todas as regiões do estado, a folia está movimentando os municípios e fazendo a alegria de brincantes. Na capital, São Luís, o ritmo contagiante dos blocos tradicionais, das tribos de índio, dos blocos de rua e do tambor de crioula conquistam os foliões que escolheram a capital maranhense como palco do Carnaval.

Os amigos alemães Ole, Marlen e Lisa, acompanhados do maranhense Emanoel. Foto: Divulgação / SECOM

Os amigos alemães Ole, Marlen e Lisa, acompanhados do maranhense Emanoel, assistiram a extensa programação de shows da praça Nauro Machado, no Centro Histórico. Animados com o que viram, ainda tiveram energia para acompanhar o bloco de rua. No meio do caminho, uma pausa para registrar suas impressões e ressaltar a diversidade do carnaval de São Luís.

“Aqui é muito divertido. Tem música para todos os gostos”, disse Marlen. “Estamos tranquilos e seguros”, comentou Ole, pulando ao som do batuque do grupo Vinagreira, que passava a frente do Centro de criatividade Odylo Costa Filho, em direção ao palco Michol Carvalho, na Rua Portugal.

As goianas Carla e Paula, que vieram de Anápolis para passar o carnaval em São Luís, se disseram felizes com a farra na ilha. “Nunca tinha visto tanta pluralidade de ritmos como a que vi aqui”, disse Paula.

Para Carla, as reformas efetuadas no Centro Histórico deixaram o carnaval de São Luís muito mais convidativo. “Esse é meu primeiro carnaval aqui. A Praia Grande está muito mais limpa, bem melhor depois que essas intervenções foram realizadas”, concluiu. A folia foi organizada em circuitos espalhados pelo Centro Histórico, além da passarela do Samba e tendas de tambor de crioula, que levarão alegria para o povo até a próxima quarta-feira.

Foto 02 - Turistas declaram o carnaval do Maranhão como um dos mais multiculturais do Brasil - Centro HistóricoNa tarde de segunda-feira, o comerciante de 32 anos, Hugo Alencar, também estava curtindo seu primeiro carnaval em São Luís. Encantado com o que via, não perdeu tempo para fotografar a passagem do tradicional bloco Fênix, do Bairro de Fátima.

Já no carnaval do Laborarte, a servidora pública Lorena Vilar e o dentista Ricardo Carvalho, levaram o pequeno Joaquim Carvalho para seu primeiro carnaval da vida. “É bom ele conhecer a cultura do Maranhão, ajuda na formação dele”, disse Ricardo.

O Governo do Estado e Prefeitura de São Luís se uniram para resgatar a originalidade do carnaval maranhense, levando para os quatro circuitos oficiais, no Centro da cidade, artistas da terra, blocos afros, alternativos, tradicionais e organizados, tribo de índios, tambor de crioula e escolas de samba. Este ano, nos cinco dias, a festa começa ainda de manhã. O resultado de todos esses elementos é a aprovação dos foliões.

Com bastante segurança e grande organização, o Carnaval de São Luís está atraindo brincantes de todas as idades. Famílias inteiras se reúnem para curtir a festa.

Os dois palcos situados no circuito ‘Dona Teté’: o Palco Infantil ‘Wagner Alhadef’ e o Palco Adulto ‘Nelson Brito’ prestam homenagens a nomes que fazem parte da história do Laboratório de Expressões Artísticas do Maranhão (Laborate) e também deixaram um legado importante para o carnaval maranhense. Foto: Divulgação / SECOM

Os dois palcos situados no circuito ‘Dona Teté’: o Palco Infantil ‘Wagner Alhadef’ e o Palco Adulto ‘Nelson Brito’ prestam homenagens a nomes que fazem parte da história do Laboratório de Expressões Artísticas do Maranhão (Laborate) e também deixaram um legado importante para o carnaval maranhense. Foto: Divulgação / SECOM.

 

Busca