Três meses após a reforma da Previdência, sistema do INSS não está atualizado com novas regras

Foto: Cleber Junior

 

Do Extra

Três meses após a entrada em vigor areforma da Previdência— considerada a maior vitória política do governo ate agora —, o sistema de cálculo dos benefícios do INSS ainda não foi atualizado com as novas regras de aposentadorias e pensões, o que ainda deve levar mais um mês, segundo a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev). Enquanto isso, a fila de espera para a análise de pedidos de concessão de benefíciospassa de 1,7 milhão, sendo 1,1 milhão acima do prazo máximo legal de 45 dias.

 

Veja mais

Radialista e Jornalista, Professor de Comunicação e Oratória, Locutor Publicitário e Apresentador de TV
Busca
Facebook