Publicidade

TRE quer que reforço na segurança permaneça no segundo turno em São Luís

Resultado de imagem para eleições segurança são luís

Em coletiva de imprensa realizada na noite do último domingo (2), ao anunciarem oficialmente o 2º turno para disputa ao cargo de prefeito de São Luís, os desembargadores Lourival Serejo (presidente) e Raimundo Barros (corregedor), do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, comemoraram a tranquilidade com que o processo de votação ocorreu em todo o estado, elogiando o esquema montado pelas forças de segurança.

“A mobilização que fizemos, com tropas estaduais, tropas federais, inclusive, com a presença de ministros aqui, esta mobilização de fato é que tornou a eleição muito mais seguras, principalmente no transcurso da noite de sábado para domingo. Entendemos que essa mobilização vai continuar, agora com muito mais força porque a gente não vai ter trabalho nos municípios do interior, apenas em São Luís”, completou Barros, que também coordenou o Gabinete de Segurança Institucional das Eleições 2016 e já garantiu que a mobilização em torno da segurança permanecerá para o 2º turno.

Neste sábado (1º), véspera das eleições no país, os ministros Gilmar Mendes, presidente do TSE, e Raul Jungmann, do Ministério da Defesa, além do governador Flávio Dino, estiveram na sede do Regional maranhense para declarar apoio incondicional para que as eleições transcorressem com normalidade, tendo em vista os casos de violência registrados nos últimos dias em São Luís. Foram 52 municípios do Maranhão para onde o Tribunal Superior Eleitoral autorizou atuação de força federal, entre elas, as 4 cidades que formam a região metropolitana: São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar. No total, 1.290 homens do Exército e 9 mil das polícias federal, militar, civil, rodoviária e corpo de bombeiros trabalharam na escolta, guarda de urnas, policiamento ostensivo e atividades de inteligência para prevenção de incidentes.

Apuração e resultado

O TRE-MA começou a apurar os primeiros resultados às 17h10 e às 17h55 os eleitores da cidade de Paraibano já sabiam quem eram os eleitos para prefeito e vereador. Às 19h51 foi a vez do resultado em São Luís ser conhecido: disputarão o 2º turno os candidatos Edivaldo Holanda Júnior e Eduardo Braide. A totalização de todos os dados dos 217 municípios foi concluída às 00h45.

Em São Luís, onde estavam aptos a votar 659 mil 779 eleitores, a abstenção registrada foi de 14,87% (92.804). Brancos somaram 16.535 e nulos 25.449. No estado a abstenção foi de 733.080 (15,90%).

Para consultar o resultado das eleições em outras cidades, acesse o endereço eletrônicowww.tre-ma.jus.br, guias eleições / eleições 2016 / resultados.

Busca