Publicidade

Tiro pela culatra: artimanha para derrubar Batista Matos acabou lhe deixando mais forte na Comunicação da Prefeitura

Batista Matos e a confiança de Edivaldo Jr.

O movimento orquestrado para derrubar o secretário de Comunicação de São Luís, Batista Matos (PPS), surtiu efeito contrário. Indicado ao cargo pelo PC do B, Matos foi duramente criticado pelo pasquim jornal da família Sarney, sucedido por outros movimentos de bastidores e críticas públicas à sua atuação.

Alguns blogs chegaram a vaticinar a queda do secretário “nas próximas 24h”. Mas, erraram na dose. Se a diferença entre o remédio e o veneno é somente a quantidade, superdosaram o ataque e o efeito não foi o que eles esperavam.

Batista Matos recebeu apoio dos secretários estaduais Márcio Jerry e Robson Paz, seus antecessores na Secom do Município, que fizeram-lhe uma visita e se reuniram com o prefeito Edivaldo Holanda Jr., ainda na tarde de ontem. Os membros do governo Flávio Dino endossaram a permanência de Batista na Comunicação da Prefeitura.

O secretário Municipal de Comunicação tem sido um dos auxiliares mais próximos do prefeito nos últimos tempos, ocupando mais do que somente seu espaço na administração municipal. A relação construída com Edivaldo Jr. tem sido de amizade pessoal e de confiança.

Por outro lado, Batista sofre perseguição de alguns setores da imprensa que queriam estar “mamando” nas tetas da Prefeitura, mas estão passando secura. É daí que surge o desejo de “derrubar” o secretário para que outro “mais amigo” possa sentar na cadeira e abrir o cofre.

Ri da cara deles, Batista.

 

 

Busca