Publicidade

Suspeitos de agiotagem são liberados pela Justiça

aqui

Eduardo Costa e sua mãe, Maria Arlene Barros foram liberados após ficarem 5 dias presos.

Cinco dias após serem presos em uma operação realizada pela Polícia Civil, a ex-prefeita de Dom Pedro, Maria Arlene Barros e seu filho, o empresário Eduardo Costa Barros, foram liberados no último fim de semana. A determinação de soltura expedida pela Justiça se deu em razão de a prisão de ambos ter sido temporária.

Arlene e Eduardo são suspeitos de fraude em licitações no município de Dom Pedro, além de envolvimento num esquema de agiotagem. Eles haviam sido presos na Operação Imperador, realizada na semana passada.

Detido na mesma operação, Alfredo Falcão Costa Júnior, o outro filho da ex-prefeita, continua preso após ser autuado em flagrante de posse de uma caminhonete roubada em um sítio de sua propriedade no município de São José de Ribamar.

 

 

Busca