Publicidade

Prefeitura realiza remodelamento viário em retorno da Avenida dos Franceses

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), deu início semana passada às intervenções com modificações do traçado geométrico na Avenida dos Franceses no trecho entre o Viaduto do Café e a entrada do bairro Sacavém (início da Avenida dos Africanos). As modificações, que integram o Plano Estratégico de Melhorias para o Trânsito, têm como objetivo gerar maior fluidez e segurança ao trânsito, bem como extinguir rotatórias em locais de fluxo intenso de veículos.

Com as intervenções, a SMTT vai modificar o cruzamento das avenidas dos Africanos e dos Franceses, trecho de vias que atualmente registra congestionamento, principalmente nos horários de pico.

O secretário de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, destacou que a intervenção vai resolver um problema crônico de engarrafamento da Avenida dos Africanos com Avenida dos Franceses. “Estamos criando uma quarta faixa de trânsito, retirando o canteiro central para que os carros possam contornar em direção ao bairro do Anil, devido ao fechamento do cruzamento semafórico. Esta quarta faixa permitirá o retorno sem semáforo, dando agilidade ao tráfego”, afirmou.

A intervenção da Avenida dos Franceses teve início com a retirada dos meios-fios do canteiro central para o alargamento das vias. A medida tem como finalidade criar quatro faixas de trânsito em alguns trechos da via, bem como fazer o reposicionamento dos retornos da área sem a necessidade de paradas, com acesso livre à faixa da esquerda da pista.

A obra é parte do conjunto de ações de melhorias no trânsito, que já vem sendo realizadas desde a rotatória do Bacanga, passando pela Avenida dos Africanos, com destaque para as entradas dos bairros Parque Timbiras e Coroadinho.

O serviço que está sendo realizado na Avenida dos Franceses é similar à intervenção geométrica feita na Avenida Vitorino Freire. Naquela área, que abrange a região do Anel Viário (Fonte do Bispo), o retorno do Bacanga e acesso à Avenida dos Africanos, foram eliminados os semáforos e a rotatória, o que permitiu um trânsito com maior fluidez, sem a necessidade de paradas obrigatórias – o que gerava lentidão no fluxo de veículos.

 

 

Busca