Publicidade

Polícia Civil prende suspeitos de assalto a coletivos na capital

Coletivos-1180x502

Durante uma força tarefa realizada na manhã na última terça-feira (26), a Polícia Civil, por meio da Delegacia Roubos e Furtos (DRF), prendeu Weliton Moraes Souza Júnior, mais conhecido como “Cangote” e cumpriu mandado de prisão para Karlson Eduardo da Silva Guimarães, vulgo “Guará”, ambos suspeitos pelo crime de roubo a coletivos em São Luís.

Segundo as primeiras informações repassadas pelo delegado Cláudio Mendes, no caso de Weliton, a Polícia Civil efetuou sua prisão, após cinco vítimas do suspeito o reconhecer como autor do assalto a um coletivo ocorrido em setembro do ano passado.

Já na tarde de terça-feira (26), dando continuidades as diligências, a polícia diante de um cumprimento de mandado de prisão a Karlson, conhecido como “Guará”, pela prática de crime de roubo a um coletivo em outubro de 2015. Ainda de acordo com delegado Cláudio Mendes, o suspeito atualmente se encontra preso no Complexo Penitenciário de Pedrinhas em decorrência do crime de tráfico de drogas.

A dupla já foi levada para a Delegacia de Roubos e Furtos, na capital, onde foi avaliado a situação de cada um dos suspeitos. Agora, ambos ficarão à disposição da Justiça. A operação que resultou na prisão dos dois bandidos foi fruto de uma parceria entre as Polícias Civil e Militar.

Busca