Publicidade

Operação prende membros de organização criminosa que extorquiam moradores de condomínio

 

Uma operação realizada na manhã desta terça-feira (17) pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), pela Delegacia de Homicídios, pela Polícia Civil e com o apoio da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) capturou cinco membros de organização criminosa que atuava coagindo os moradores do condomínio Eco Tajaçuaba, no bairro Santa Bárbara, em São Luís.

O condomínio foi entregue para famílias de baixa renda em abril deste ano pelo programa “Minha Casa Minha Vida”. E o que parecia ser a realização do sonho da casa própria se transformou em pesadelo para muitos moradores por conta da atuação desta facção criminosa.

Os bandidos obrigavam moradores a pagar uma quantia para permanecerem no imóvel, caso contrário eram expulsos. Dois homicídios foram registrados no condomínio neste ano.

A polícia encontrou pessoas ligadas a uma facção criminosa tomando de conta de alguns apartamentos, de onde os verdadeiros proprietários foram expulsos.

Foram presos Vitor Rodrigo Sousa, Walace de Jesus Silva, conhecido como Marcinho; Leandro Silva, conhecido como “Casquinha”, Vagner Dias e Natanael Gonçalves.

LEIA TAMBÉM:

Operação na cidade olímpica prende integrantes de facção criminosa

Busca