Publicidade

“Medíocre, fraco, omisso”, Flávio Dino sobe tom de críticas contra Bolsonaro

 

Eleito para governar por mais quatro anos o Maranhão, o governador Flávio Dino (PCdoB) subiu o tom das críticas contra o candidato à presidência, Jair Bolsonaro, faltando pouco mais de duas semanas para o segundo turno das eleições. Por meio das redes sociais, Dino chamou Bolsonaro de “medíocre, fraco, omisso” e de que o parlamentar “nunca participou, nunca trouxe alguma proposta” para o Brasil.

Dino, juntamente com outros governadores do Nordeste, declarou apoio a Fernando Haddad  e tem participado ativamente das escolhas das estratégias de campanha do petista no segundo turno.

O motivo das críticas mais ácidas a Bolsonaro é justamente buscar atingir a popularidade do candidato, que mesmo envolvido em dezenas de polêmicas, continua liderando as intenções de voto.

Busca