Publicidade

Justiça Federal gastou R$ 2,4 milhões só com benefícios para juízes no Maranhão em dezembro

Resultado de imagem para benefícios a juízes

Enquanto os juízes se mobilizam para continuarem ganhando benefícios que custam milhões para os cofres públicos, o jornal o Globo divulgou um infográfico com os gastos da Justiça Federal só com os benefícios para a categoria em todo o país, referente ao mês de dezembro do ano passado.

No Maranhão, só com o gasto desses benefícios, que não inclui o salário dos juízes, a Justiça Federal gastou mais de R$ 2,4 milhões. O valor é um dos maiores do Nordeste e dá uma dimensão do custo que é manter esses privilégios. No estado, os juízes têm direito a auxílio moradia e auxílio alimentação.

Os maiores gastos referentes a dezembro foram registrados no estado de São Paulo e no Distrito Federal. Mesmo assim, é o Rio de Janeiro o estado que mais concede benefícios à categoria, que inclui além dos auxílios moradia e alimentação, auxílio saúde, transporte, educação e pré-escola.

Juízes confirmam paralisação

Após consulta à categoria, os juízes federais de todo o país aprovaram paralisação nos trabalhos no próximo dia 15 de março. A informação foi divulgada pela Associação dos Juízes Federais (Ajufe). De acordo com nota da entidade, 81% dos 1.300 votantes concordaram com a greve de um dia. “A indignação contra o tratamento dispensado à Justiça Federal se materializou”, diz a nota. Mais de 17 mil juízes, desembargadores e ministros de tribunais superiores recebem auxílio-moradia no país, com valores de até R$ 4.377 mensais.

Os juízes protestam contra o risco de perderem o auxílio-moradia e alegam que estão sendo vítimas de perseguição por conta das decisões duras contra autoridades investigadas por corrupção. Os juízes alegam que a perseguição aos juízes é semelhante a que os magistrados sofreram na Itália após a “Operação Mãos Limpas”.

Busca