Publicidade

Governo do Estado recupera construções históricas no Centro de São Luís

Praça Manuel Beckman, na área da Beira-Mar, está recuperada. Foto: Divulgação

Prédios, praças e monumentos históricos no Centro de São Luís estão sendo reformados pelo Governo do Estado. Entre as ações, executadas pela Secretaria de Infraestrutura (Sinfra), está a revitalização do Convento das Mercês e monumentos localizados ao longo da Avenida Beira Mar.

As obras exigem um cuidado específico na execução, já que devem seguir os critérios técnicos recomendados para a restauração e conservação de construções tombadas, para evitar desgaste e descaracterização. “Estas iniciativas no Centro Histórico de São Luís têm alta carga simbólica, pela revitalização de locais que constituem um conjunto importante para a história de São Luís e, consequentemente, para a história do Maranhão”, afirma o secretário de Estado de Infraestrutura, Clayton Noleto.

Entre as intervenções em andamento, o maior volume de serviço é realizado, atualmente, no Convento das Mercês. A obra, iniciada no ano passado, consiste na recuperação estrutural de uma ala inteira, no andar de cima, que estava interditada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) há cinco anos.

Também está sendo feita a recuperação da drenagem no pátio do Convento e serviços de manutenção física da construção histórica. Com um orçamento de R$ 2.014.504,00, a obra tem conclusão prevista para o fim deste semestre.

O Convento das Mercês começou a ser construído em 1654, em taipa coberta de palha. No ano seguinte, foi iniciada a construção de instalações em pedra e cal, quando foi erguida a capela-mor, passando por várias reformas ao longo dos anos. O prédio foi adquirido pelo Governo do Estado em 1905, quando recebeu uma ampla intervenção. Já abrigou o quartel da Polícia Militar Maranhão e do Corpo de Bombeiros Militar. Hoje tem 5.800 m² de área construída e é utilizado para atividades culturais e eventos do Governo do Estado e outras instituições.

Coreto, Pedra da Memória e Praça Manuel Beckman

Coreto próximo a Rampa do Palácio foi revitalizado pelo Governo do Estado. Foto: Divulgação

Coreto próximo a Rampa do Palácio foi revitalizado pelo Governo do Estado. Foto: Divulgação

Outras obras realizadas pela Sinfra no Centro Histórico envolvem a recuperação de áreas situadas ao longo da Avenida Beira-Mar. A revitalização envolve Coreto que fica próximo a Rampa do Palácio, o monumento Pedra da Memória e da Praça Manuel Beckman, todas já concluídas.

Datada de 1841, a Pedra da Memória é um obelisco construído em homenagem à maioridade e à coroação de Dom Pedro II. Além de limpeza e nova pintura, as áreas tiveram o piso e o entorno recuperados. “O coreto está ótimo, o serviço ficou muito bom”, elogia o aposentado Guilherme Guimarães. Ele diz que, quando recebe visitante, costuma mostrar o Centro de São Luís e que é muito importante revitalizar o bairro.

Na Praça Dom Pedro II, próximo à Igreja da Sé, o Governo do Estado está concluindo a recuperação do casarão que vai abrigar a sede da Fundação São Luís Convention Bureau. Localizado entre a Associação Comercial (antigo Hotel Central) e o Edifício João Goulart, o casarão tem uma bela fachada colonial e já está com as obras de reforma em fase final.

Os recursos de aproximadamente R$ 600 mil foram obtidos pela Fundação, por meio de emenda parlamentar, com contrapartida de 10% do Estado. O casarão tem auditório para 50 lugares, salão de exposição, copa, banheiro e salas e está em um ponto estratégico do Centro Histórico, próximo a Arquidiocese de São Luís, Igreja da Sé e as sedes do Governo do Estado, Prefeitura e Tribunal de Justiça.

Busca