Publicidade

Gerente da CAEMA conversa com moradores sobre melhorias em área da caixa d’água na Cohab

Moradores discutem com gerente da Caema sobre os problemas

Moradores do Conjunto Cohab Anil III estiveram reunidos com o gerente da unidade de negócios da Caema, área da Cohab, José Miguel Serra, para discutir sobre a situação em que se encontra o terreno onde está instalado o sistema de abastecimento da região,  na avenida 14, denominado R6-C. A área tem uma caixa d’água, ou seja, um reservatório suspenso e tem também cisternas enormes. As cisternas já não funcionam.

 

Ao lado do Centro de Ensino Cônego Ribamar Carvalho, o local tem servido de abrigo para usuários de droga, eles quebraram os portões para ter acesso ao terreno.

A diretora da unidade, Davina Jansen, relatou que  “é um antro de drogas. Eles abusam com as crianças quando passam, não tem hora e nem dia pra eles estarem aqui. Já foi até puxada uma criança”.

Mesmo com nossa equipe de reportagem e populares no local homem consome droga tranquilamente

Gestora e alunos se reúnem para reivindicar melhorias no local

O enfermeiro William Tafarel, morador do bairro, disse que há vários anos os usuários de drogas se apoderaram do local.

“É um fluxo muito grande,  já teve infinitas coisas lá dentro. Pessoas fazem sexo, a gente olha cenas explícitas”, relata indignado.

O gerente  da Caema, José Miguel Serra, esclareceu que, diferente do que pensavam os moradores, o sistema de abastecimento está em pleno funcionamento e é componente crucial para o abastecimento do bairro e de toda região  Apenas os reservatórios de base, ou seja, a cisternas não mais estão em uso, em face do funcionamento de outras cisternas localizadas ali próximo.

 

Ele se comprometeu em levar as demandas para a Direção da Caema e trazer respostas a comunidade num prazo de 15 dias, inclusive confirmou que tentaria uma reunião dos moradores com a diretoria da empresa.

“As ações pequenas, o que tá dentro do nosso alcance, que é uma limpeza, que é tentar adquirir um portão, cadeado, nós estamos tentando. A gente tá em processo de estudo pra fazer nova contratação de vigilância.  Quanto à questão de reforma, melhorias, assim que tivermos um retorno da diretoria da Caema, a gente vai chamar alguém da comunidade para uma nova reunião, inclusive com a diretoria”, se comprometeu.

Gerente de negócios da Caema explica funcionamento do reservatório

O programa Ponto Continuando, da rádio Mais FM, abordou o assunto nesta quinta-feira, 01, e continuará acompanhando o caso.

O blog ressalta a postura responsável do gerente da Caema enviado ao local, e a disponibilidade de diálogo com a comunidade, o que foi destacado pelos moradores com algo inédito, uma mudança de postura no tratamento em relação às reclamações.

Mais fotos:

Busca