Publicidade

Executiva Estadual do PSB quer expulsão de Ribamar Alves

Após ser afastado do cargo por determinação da Justiça, que determinou a posse do vice Ednaldo Alves Lima (PT), o prefeito de Santa Inês, Ribamar Alves (PSB), poderá ficar também sem partido. Isso porque, a Executiva Estadual do Partido Socialista Brasileiro (PSB) no Maranhão, após reunião realizada na noite da da última terça-feira (23) decidiu pedir a suspensão do gestor da legenda.

Essa foi a primeira vez que o partido do prefeito se manifestou desde que ele foi acusado de estuprar uma jovem de dezoito anos. Ribamar segue preso desde janeiro no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, após ter todos os pedidos de habeas corpus rejeitados pela Justiça.

Com a decisão, caberá agora à direção nacional do partido definir o futuro de Ribamar Alves na legenda. Caso ela acate o pedido da executiva estadual, Ribamar Alves deverá expulso do partido. prefeitura de Santa Inês é administrada agora pelo vice de Ribamar, Ednaldo Alves Lima (PT)

 

Busca