Publicidade

Ex-secretário de Roseana Sarney convocado para prestar esclarecimentos sobre “gastos secretos”

Roseana Sarney e Bringel

O ex-secretário de Planejamento do governo do Estado foi convocado para prestar esclarecimentos sobre os “gastos secretos” da gestão de Roseana Sarney. João Bernardo Bringel deverá explicar sobre filtros que teriam sido colocados no site do Portal da Transparência que impediam a publicação de contratos, convênios e movimentações financeiras.

Mais da metade dos gastos do governo anterior não constavam no site. Muito dinheiro público foi gasto sem que o governo informasse no Portal da Transparência, como determina a Lei de Acesso à Informação. Agora, o governo anterior tem a oportunidade de explicar porque isso aconteceu. Os dados foram ocultados de forma intencional, ou seja, foi uma fraude? Ou simplesmente incompetência?

A convocação de Bringel foi feita pela Secretaria de Transparência e Controle do Governo do Estado, comandada pelo advogado Rodrigo Lago. Logo que assumiu a Pasta, Rodrigo denunciou que em torno de 60% dos recursos gastos no governo Roseana não apareciam publicamente no Portal da Transparência. Muito dinheiro foi gasto, inclusive no período da eleição, sem que isso fosse informado.

O ex-secretário de Roseana Sarney que deveria ser o responsável por publicizar os gastos deverá prestar esclarecimentos nesta terça-feira (31). João Bernardo Bringel poderá dar explicações para que se entenda se houve má fé ou burrice no uso do software que permitia a mecânica de ocultar apenas os gastos de despesas sigilosas (como as que envolvem operações policiais), mas estava ocultando mais, bem mais do que isso.

 

 

 

 

 

Busca