Publicidade

CPI dos combustíveis deve ser instalada na Assembleia na próxima semana

Com assinaturas suficientes e com o pedido já protocolado junto à Mesa Diretora da Assembleia pelo o deputado estadual Othelino Neto (PC do B), autor do requerimento, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a prática abusiva de preços nos postos de combustíveis de São Luís deve ser instalada na próxima semana.

Para insolação da CPI, os blocos parlamentares deverão indicar os membros da Comissão e definir os deputados que comandarão as investigações na Casa. Segundo o requerimento, a CPI contará com cinco deputados titulares e cinco suplentes para, num prazo de 90 dias, investigar o abusivo aumento do valor do preço da gasolina, cobrado nos postos da capital maranhense, além da possibilidade de formação de cartel entre empresários da área, o que configura crime previsto em Lei.

O caso já vem sendo investigado pelo Ministério Público, por meio da Promotoria do Consumidor. A Ideia é que os deputados se juntem ao MP para somar forças no sentido de apurar se há crime contra a sociedade e contra economia no aumento linear e repentino ocorrido nos últimos dias na capital maranhense.

 

Busca