Publicidade

Comandante do Batalhão de Polícia do Turismo esclarece sobre suposto toque de recolher no mercado das Tulhas

Em entrevista concedida ao programa Ponto Continuando, da Mais FM 99,9, o comandante do Batalhão de Polícia do Turismo (Bptur), Coronel Honório de Carvalho, esclareceu sobre suposto toque de recolher que estaria sendo imposto a comerciantes e frequentadores do mercado das tulhas, na Praia Grande.

Segundo Honório não há qualquer ação indevida da Polícia Militar, no entanto está sendo cobrado a devida regularização dos estabelecimentos que funcionam no local, de maneira a garantir a segurança de seus frequentadores.

Ele mencionou que muitos dos estabelecimentos funcionam de maneira desordenada, sem qualquer liberação de órgãos fiscais e sem o mínimo de segurança, isso há décadas. Honório também mencionou que em reunião com feirantes, corpo de bombeiros e o delegado de costumes, foi definido horário de funcionamento da feira, em acordo com regimento interno do local.

Indagado sobre a “roda de samba”, movimento tradicional da feira, o Coronel mencionou que não depende da PM a continuidade ou não da atração, mas sim de seus realizadores, que devem buscar a devida regularização de seus estabelecimentos.

Ele foi enfático ao afirmar que a Polícia do Turismo está buscando impedir a ocorrência duma iminente tragédia no local, como um incêndio, dada a desorganização e falta de segurança do mercado das tulhas.

“Se nós não fizermos nada o mercado das tulhas vai servir de local para afugentar turistas”. Destacou o comandante do Bptur, que deixou claro que e a PM estará dando total apoio a quem trabalhar de forma correta.

Radialista e Jornalista, Professor de Comunicação e Oratória, Locutor Publicitário e Apresentador de TV
Busca
Rádio Timbira Ao Vivo
Facebook