Publicidade

Câmara Municipal retoma atividades e vereadores devem apreciar projeto que libera Uber em São Luís

Resultado de imagem para uber

Com o retorno das atividades na Câmara Municipal para esta semana, os vereadores devem retomar a apreciação de projetos polêmicos, como o de autoria do vereador Paulo Victor (Pros) que libera o funcionamento do Uber em São Luís.

A proposta foi apresentada ainda em fevereiro, no início da nova legislatura, mas ainda tramita pelas comissões de Constituição e Justiça e pela de Transporte.

O retorno das atividades na Câmara iniciará dias após a decisão de Justiça de indeferir um pedido da Defensoria Pública do Estado, que proibia a prefeitura de São Luís de fiscalizar os veículos cadastrados no aplicativo. Alguns dos motoristas tiveram o carro apreendido desde que a Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) iniciou a fiscalização aos veículos ubers.

Na Câmara, porém, o projeto deve sofrer pressão dos taxistas para que ele não seja aprovado. A categoria anunciou que está organizando para a próxima segunda-feira uma grande paralisação nas principais avenidas da capital. O protesto tem o objetivo de forçar a regulamentação do Uber.

Busca