Publicidade

Atenção excedentes do concurso da PM: aconteceu o milagre

Contam uma história que, certa vez, Jesus desceu do céu disfarçado de médico para ajudar no Plantão de um hospital público. Compadecido com a situação dos pacientes que se amontoavam à espera de atendimento de um único médico plantonista, Jesus resolveu intervir.

Na troca de Plantão, aquele médico novo chamou a atenção dos pacientes. O primeiro a ser atendido foi um senhor acometido de grave doença que lhe colocara numa cadeira de rodas havia mais de 10 anos. No consultório, Jesus olhou para aquele homem perguntou-lhe o que sentia e ordenou-lhe: “levanta-te e anda”.

O homem deixou a sala em poucos segundos, totalmente curado, carregando a cadeira de rodas. Curiosos, os outros pacientes perguntaram sobre o médico novo, ao que ancião respondeu: “igual os outros, só me olhou rapidinho e mandou eu sair da sala”.

Acostumado a reclamar o tempo todo, faltou ao homem a percepção de que um milagre havia acontecido. Curado e com a cadeira desmontada debaixo do braço, o que ele fez foi reclamar.

Assim agem alguns aprovados/excedentes do concurso da segurança no Maranhão. Nunca tiveram sequer atenção do governo anterior, foram sistematicamente ignorados, mesmo diante de diversas manifestações. Com o novo governo, no primeiro dia, poucos minutos depois de tomar posse, o governador anunciou a convocação de mil aprovados no concurso, e, logo, informou que mais serão chamados. Mesmo assim, tem quem resmungue e reclame em rede social, questionando a quantidade que vai ser efetivada etc.

Gente, no primeiro dia, ainda na cerimônia de posse, o governador anunciou a convocação de mil aprovados. Entenderam? Aconteceu o milagre.

Busca