Programa São Luís de Verdade promove plenárias nas regiões da cidade

O Programa de Participação Popular do PPS – São Luís de Verdade percorrerá até sábado, dia 30 de julho, dez regiões da cidade ouvindo moradores e coletando informações e propostas para incluir no programa de governo do partido para a capital maranhense.

As plenárias do programa contam com a presença da pré-candidata à Prefeitura de São Luís, deputada Eliziane Gama (PPS). “O morador de São Luís precisa voltar a sentir orgulho de sua cidade. O que o PPS quer revitalizar a cidade. Juntos vamos reconstruir São Luís”, destaca Eliziane.

Na noite da última segunda-feira (26), dezenas de moradores do Bairro Santa Cruz participaram e contribuíram com ideias, propostas e sugestões. Eles também apresentaram os problemas da comunidade nas áreas de infraestrutura, saúde, educação e também condições da feira do bairro.

“Todos nós merecemos morar em um bairro digno. Faz muitos anos que o Bairro do Santa Cruz não recebe obras de infraestrutura”, destacou o morador Júnior.

Os moradores também apresentaram pleitos para que PPS inclua no programa de governo, projetos para a juventudes, terceira idade e esporte.

Eliziane respondeu aos questionamentos dos moradores e garantiu que todas as propostas serão incluídas no programa do PPS. Sobre a situação das escolas de São Luís a deputada assegurou que: “Educação em um governo do PPS será prioridade. Pactuamos no nosso programa de governo que teremos escolas dignas para nossas crianças”.

Na terça-feira (26), o PPS realizou plenária com a participação dos moradores da região do Anil. Na ocasião, lideranças de vários segmentos falaram sobre os problemas na região.

O pastor evangélico Claudionor Ferreira fez apelo para a inclusão de projetos voltados para a juventude, principalmente para redução da violência. “Meu maior desejo é ver projetos para os jovens, pois só assim teremos uma juventude diferente. Assim teremos uma sociedade melhor e uma São Luís melhor”, enfatizou.

O partido já realizou plenárias nas regiões da Cidade Operária, Zona Rural, Itaqui-Bacanga, Liberdade, Vila Luizão, Coroado, Bairro Santa Cruz, Bairro do Anil e ainda realizará até sábado ações no São Francisco, Coroadinho e Bairro de Fátima.

A plenária de consulta Popular do PPS tem como objetivo ouvir moradores e lideranças comunitárias. Nesta sexta, o evento foi realizado no Bairro do Coroado e reuniu lideranças comunitárias de toda a região que apresentaram sugestões, ideias e propostas, além de problemas que enfrentam nas áreas de educação, saúde, infraestrutura, entre outros.

Share and Enjoy

Comentários

Comentários1

A candidatura de Alexandre Almeida e o renascimento do grupo Sarney

Blog do John Cutrim – Em entrevista concedida ao sistema Meio Norte de Televisão na tarde desta quinta-feira (28), o prefeito de Timon e candidato à reeleição, Luciano Leitoa (PSB) afirmou que a candidatura do deputado Alexandre Almeida (PSD) representa o renascimento do grupo Sarney no estado. “Timon é o terceiro maior colégio eleitoral do Maranhão e o grupo Sarney, com o Alexandre Almeida, quer se reorganizar no estado juntamente pela ponte José Sarney, a principal ligação de Timon”, declarou.

O deputado Alexandre sempre teve uma ligação muito próxima com a família Sarney, especialmente a ex-governadora Roseana Sarney que o apoiou em todas as suas eleições. Luciano acredita que o povo timonense não se deixará enganar com os acordos feitos onde o único objetivo é a chegada ao poder.

“A ex-prefeita Socorro Waquim, o qual eu tenho muito respeito, chegou a divulgar nota de repúdio dizendo que não se juntaria com o Alexandre. Deu a palavra dela. De repente ela muda de opinião e faz um acordo com o deputado, onde dizem que foi negociado a secretaria de Educação para ela e o Delfino Guimarães voltaria a ocupar a secretaria de Infraestrutura. Felizmente, o povo não é bobo e sabe muito bem discernir o que é bom e o que é ruim para Timon”, disparou Leitoa.

Ainda durante a entrevista, o prefeito agradeceu o apoio do governador Flávio Dino e anunciou que ele estará nesta sexta-feira em Timon na convenção que oficializará sua candidatura. “O governador estará em Timon a partir das 18h, inclusive o PCdoB estará na nossa chapa com o vice, que será o empresário João Rodolfo”, afirmou Luciano Leitoa, ao finalizar: “só peço aos nossos adversários que façam uma campanha limpa, sem baixarias”.

Share and Enjoy

Comentários

Comentários1

Impeachment: termina hoje prazo para defesa de Dilma entregar alegações finais

EBC – Termina hoje (28) o prazo para que a defesa da presidenta afastada Dilma Rousseff entregue à Comissão Processante do Impeachment no Senado os documentos com as alegações finais do processo. Os advogados de Dilma têm até as 18h30, horário em que se encerra o expediente da Casa, para apresentar a documentação.

De acordo com a assessoria de imprensa de Dilma, a documentação será apresentada à comissão por volta de 18h, pelo ex-ministro José Eduardo Cardozo – um dos advogados de defesa da petista.

Inicialmente, o prazo terminaria ontem (27), mas foi prorrogado por 24h após pedido da defesa. Na terça-feira (26), a defesa de Dilma entrou com um pedido de prorrogação do prazo por dois dias.

Internet

Os advogados argumentaram que, por causa da suspensão, nos dias 23 e 24, dos serviços da página do Senado na internet, onde fica hospedada toda a documentação, a presidenta afastada teve o amplo direito de defesa prejudicado por ter ficado sem acesso aos autos do processo.

No pedido, a defesa defendeu que, nesse caso, deveria ser usado, por analogia, o que prevê o novo Código de Processo Civil, segundo o qual “suspende-se o curso do prazo por obstáculo criado em detrimento da parte”, devendo o prazo ser “restituído ao que faltava para a sua complementação”.

O presidente da Comissão Processante do Impeachment, senador Raimundo Lira (PMDB-PB), acatou parcialmente o pedido, prorrogando o prazo por 24h.

Em nota, Lira afirmou que a indisponibilidade do conteúdo se deu em virtude de manutenção programada, que a ação foi anunciada pelo portal do Senado e que o “sistema permite que os arquivos sejam baixados para consulta no computador do usuário sem necessidade de acesso à internet”.

Mesmo com a prorrogação do prazo, Lira manteve o calendário previsto inicialmente. Com isso, o relator na comissão, Antonio Anastasia (PSDB-MG) terá até a próxima segunda-feira (dia 1º) para elaborar seu parecer sobre a acusação. O relatório será lido, na terça-feira (2), na comissão e tem a previsão de ser votado na quinta-feira (4). Para ser aprovado ou rejeitado, é necessária a maioria simples – metade mais um dos senadores presentes à sessão.

O documento será encaminhado para leitura no plenário da Casa no dia 5. De acordo com calendário, a votação no plenário será realizada no dia 9, sob o comando do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, encerrando, assim, a fase de pronúncia do impeachment.

Share and Enjoy

Comentários

Comentários1

Mais uma: Wellington é condenado a retirar propaganda irregular de veículo

Marrapá – A Justiça Eleitoral decidiu nesta quarta-feira, 27 de julho, condenar o deputado estadual Welligton do Curso, pré-candidato a prefeito da cidade, por promoção pessoal em período vedado pela legislação, determinando busca e apreensão de veículo caracterizado como gabinete móvel, imediata retirada da plotagem e aplicação da multa (artigo 36, parágrafo 3º, da Lei 9.504/97).

A representação 46-39/2016 foi feita pela Comissão Provisória Municipal do Partido Social Democrata Cristão de São Luís (PSDC), que alegou o uso do veículo plotado como gabinete móvel como a mais nova estratégia do pré-candidato, que vem se valendo de inúmeras propagandas eleitorais irregulares, tais como anúncios patrocinados em sua página pessoal do facebook, que já foram objetos de representações próprias.

Em sua sentença, o juiz Manoel Matos de Araújo Chaves destacou: “o detentor de mandato eletivo, ao assumir a condição de pré-candidato ou candidato, encontra-se submetido, no ano das eleições, às mesmas regras previstas para os candidatos não detentores de mandato, não lhe sendo permitido, portanto, valer-se do cargo público para, burlando a regras da propaganda eleitoral com suposto ‘Gabinete Móvel’ da Assembleia Legislativa do Maranhão, promover-se pessoalmente perante o eleitorado”.

Para o magistrado, a plotagem também se caracteriza como propaganda irregular por extrapolar os limites permitidos para adesivação de veículos (artigo 38, parágrafos 3º e 4º, da Lei 9.504/97), além de ser ilegal por violar a regra proibitiva da propaganda eleitoral mediante outdoors (artigo 38, parágrafo 8º, da Lei 9.504/97), tendo em vista que o apelo visual equipara-se ao de um outdoor móvel.

Share and Enjoy

Comentários

Comentários1